terça-feira, setembro 15, 2009

Patrick Swayze

Esperemos que ele tenha tido ''the best time in his life''.
Porque eu tive, sem dúvida alguma, muitos momentos preciosos durante os quais tentava, com as amigas, imitar alguns dos movimentos de dança do Dirty Dancing ... E o bom de tudo é saber que fui uma entre milhentas pessoas que cresceram com esses momentos. Já para não falar do Ghost (que me fez chorar inconsolavelmente) e do Norte & Sul (que me arrancou suspiros e sorrisinhos patetinhas perante o ecrã) ...
Só pela alegria que trouxe às pessoas com o seu talento e arte, estou segura de que ganhou o Céu.

2 comentários:

Ivana disse...

Eu dançava na sala, com a minha prima, a música do Dirty Dancing. E debatiamo-nos, com argumentos ferozes, sobre quem é que devia ser a Baby, e quem é que devia ser o Johny...

"Nobody puts Baby in a corner!"

Maria disse...

A banda sonora de grande parte da primeira metade da minha adolescencia e composta pelas musicas do Dirty Dancing. Da casa da Saozinha ensaiavamos os passos de danca copiados no filme. Por vezes eramos para umas dez no patio a dancar e com os vizinhos dela a assistir. Deve ter sido das coisas mais tontinhas que fizemos, mas nao trocava essas memorias por nada. Isso, as historias da Saozinha que tinha a parede do quarto cheia de posters do Patrick Swayze!! Cada historia maluca. Sim, ri e sorri, e faco de novo.