segunda-feira, fevereiro 26, 2007

Nem tudo o que vem à rede....


Praia de Matosinhos, manhã de domingo em Fevereiro. Ao longe a "instalação artística" símbolo de modernidade. Em primeiro plano o lixo trazido pelo mar ao longo dos meses não balneares. Terra de mar e de horizonte... Portugal, jardim à beira mar plantado...
Porque nem só de amor, emoções e narrativas vive o Bacalhau.

10 comentários:

Madalena disse...

è verdade sim senhor, temos também uma bacalhau que deve ser preocupado com o ambiente.

Aliás, de onde vem o bacalhau? Do mar. E se o mar estiver poluído...? Não temos bacalhau de qualidade.

Portanto o nosso bacalhau preocupa-se com as questões ambientais.

Ele até está verdinho, aposto que foi por causa disto....

Ivana disse...

Sem bacalhau... não há postinha!

Carminho disse...

E se a foto tivesse cheiro, certamente n seria dos mais agradáveis também...

yap, é uma pena...
A praia era uma boa praia...não fossem as pessoas q, por vezes, estragam tudo!

Madalena disse...

Ah e não podemos esquecer que a dita instalação artística está degradada, segundo a Câmara de Matosinhos.

Cá para mim, eles nunca gostaram foi da rede e agora estão a por-lhe defeitos!!!!!!

Eles sabem-na toda!!!!

Ivana disse...

A rede era uma boa rede, e até era uma boa instalação... Não havia necessidade.

Maria disse...

Não tenho mais nada a acrescentar que as minhas sábias parceiras do bacalhau já não tenham dito!!!

Reforço que é uma pena de facto!!!

Carminho disse...

A Sôdóna Anémona é gira, sempre gostei dela, acho que é porreira nas queimas para porta-bengalas e cartolas dos finalistas!

Eu sou pró-anémona, ouvi dizer q se passsam coisas muito giras e interessantes no 'buraco de relva' que fica mesmo por baixo da Sôdóna Anémona! Já lá foram? Se não, experimentem um dia ir ao 'buraco', deitem-se na relva e olhem o céu estrelado por entre os quadriculados da rede...and make a wish!

Maria disse...

Gostei da sua sugestão Carminho!!!

Fala por experiência?

Ivana disse...

Tenta uma pessoa dar um toque interventivo a este Bacalhau e o que é que sai??? O esquecimento do lixo na praia, o inolvidamento frio e insensível dos bidões na fotografia e o foco, intempestuoso e desajustado na anémona!!

(na relva?... mesmo por baixo?...)

Madalena disse...

Eu também não tenho nada contra a rede. Já que ela lá está!

Quanto ao buraco na relva é a Sério!?

E afinal o que é que se passa lá? Digam-me!

E o desejo realiza-se, mesmo? Há provas disso?

HUMMMMMMMM!!!!!!!!!!!