quarta-feira, fevereiro 28, 2007

Azeite Galo a cantar desde 1919


Durante os últimos dias uma palavra tem-me invadido a mente muito frequentemente. Tem 3 letrinhas : O (origami), P (piripiri) e A (ai a bida!)

OPA para aqui
OPA para ali
OPA para acolá

Faz-me lembrar de quando era pequena e usava a mesma OPA como uma interjeição sempre que me esticava para por exemplo conseguir chegar ao móvel alto da cozinha para pegar um simples copo.

Mais atrás ainda no tempo, OPA (leia-se ÔPA!) era o que os meus pais me diziam sempre que caía na altura em começava a dar os primeiros passos. Era um incentivo a pôr-me em pé para voltar a tentar.

OPA (leia-se Ó Pá!!), quando é que isto termina!??
Isto já não é nada como antigamente...

6 comentários:

Maria disse...

Ôpa!!!

Isto é que é um post à altura do grande Azeite Galo!!!

Nem queiram saber ao que sabe o azeite aqui nesta Terra da Rainha Beta!!! E outras coisas que tal!!
Em Portugal é que a papinha é boua!! Ui se é!!! Na verdade, não há nada como o produto nacional!!!
Uiiii se é!!!!

E sim, já não é nada como antigamente:
- os homens vão com as gaijas à esteticista (quem disse que tinham de tirar os pelinhos do peito? quem foi?);
- os putos percebem mais que os pais e facilmente os deixam ficar mal;
- vai passar a ser crime bater nos putos com menos de 4 anos (uma boa palmada nunca fez mal a ninguém!!!);
- um bilhete de cinema custa mais de 3 contos (uppss, não, esta é mesmo só para mim, a emigra!!!);
- já não esperamos que o rolo da máquina acabe para ver as fotos das férias (excepção para mim, Dublin não foi de tirar o fôlego, mas porque raios ainda não acabei o rolo???);
- o tomate compra-se em frascos (serei só eu?) e o limão é de plástico (serei só eu novamente?);
- o inverno e o verão quase que se sucedem no calendário, desde que a primavera foi flirtar com o outono e nunca mais ninguém os viu por mais que uns dias em cada ano;
- e porque deixei de ter 3 meses de férias no ano?
- .....
- .....
- e tantas outras coisas que não são as mesmas:
Onde estão as bombocas de morango? Que raios aconteceu ao Sítio do Picapau Amarelo e ao Dartacão? Algum miúdo/a com mais de 3 anos acredita no Pai Natal?
E porque raios é que eu tive de saber a tabuada de cor e salteado a agora os putos estão se nas tintas para isso porque lhes dão máquinas de calcular para as mãos?
- ....

Bem, nada é como antes, de facto!!

E com a Ôpa, serão as coisas diferentes de como eram antes dela dar o primeiro berro de emancipação???

Carminho disse...

E antes de haver próteses dentárias é que era! Tudo a nú, tudo genuíno!

Ah e tal, polident!? Colgate branqueador!!
Via-se quem era asseadinho!! Não havia cá tapa-buracos ou tira-nódoas!!

hehheeh :)

Olha, ainda respondendo à questão da tabuada, para ti querida amiga-emigra aqui vai uma rima:

Naquele tempo tinha que saber na ponta da língua a tabuada
Senom, vinha a sô dona amélia e na minha mãozinha empregava uma bela reguada !!

Maria disse...

Oh oh oh

Da dona Amélia também eu tenho boas recordações!! Ui ui, como quando fiquei sem recreio porque a maldita conta de dividir não me dava certo (e volto a frisar: para quê? para quê?).

A da tabuada já eu percebi! tive de a saber para não levar reguada!! Ok, sim senhor!! ui lembro-me bem de quem não a sabia! E mesmo assim, sem saber a tabuada lá consegue ser feliz!! Vá-se lá saber como!!!

Quanto ao seu comentário:
Tudo a nú, tudo genuíno!
Ui, tudo a nu!!!
Nem digo mais nada!!
'Tá calorzinho? Ou é impressão minha???

Madalena disse...

A tradição já não é o que era!!!!

Agora são as gajas a andar a trás dos gajos!

Os gajos para além de tirarem os pelinhos do peito, vão a manicure, fazem dieta, usasm cremes (não é que não gostes, mas isto não acontecia a uns anoa atrás)!

O pessoal saí de casa dos pais cada vez mais tarde! (Esta tenho praticamente só por falar por mim!

Os miúdos começam a cantar músicas impróprias para os seus ouvidos, desde tenra idade!

O pessoal começa a passar férias sem os paizinhos cada vez mais cedo! Diga-se que eu fiz férias com os pápás até a uns anos atrás!

O azeite está cada vez pior!

O sr. Belmiro cada vez mais pretencioso! O filho vai pelo mm caminho!

O OPÁ, quase já nem se usa!

Há aí pessoal que até já diz "volta Salazar, estás perdoado!", vejam só como isto está?!?!

Definitivamente, na minha altura isto era muito diferente!

Carminho disse...

OPA failed.

That's Life

As minhas sobrinhas: «Ó titi, dizem na rádio que a Opa morreu!! Quem era? Morreu de quê?»

Maria disse...

OPA failed!!

Pois é, afinal, há coisas que ainda são como eram antigamente!!!