quarta-feira, abril 04, 2007

A história dos Ovos da Páscoa...

Certo dia um Coelho branco chamado Dentuças ia, aos pulos e todo catita, pela estrada do Arco-íris.
Dentuças era jovem, todo pimpão e atlético, com um impecável pêlo alvo! Trazia vestido nesse dia um elegante colete azul a condizer com os seus olhos, não fosse ele um vaidoso!

Dentuças ia tão feliz a cantarolar pela estrada afora, que nem reparou que nesse instante estava a atravessar a mesma via um outro pedestre e...

« Pum, catrapum !!» - esbarraram um no outro!!

- Piu!! – ouviu-se.
- Ah, desculpa!! Desculpa!!!
- Piuuu, ouve lá não vês por onde pulas? - disse a jovem, ainda abalada com o choque.
- Hã, pois, hã, tens razão, peço imensas desculpas mas é que ia atrasado para a uma Festa, sabes eu já estou um pouco atrasado...
- Está bem, até compreendo, mas repara tens que ter mais cuidado, senão acabas a atropelar mais uma pintainha indefesa como eu.

Dentuças olhou a Pintaínha e disse:
- Pois, tens toda a razão, hã, como é mesmo o teu nome?
- Mafi – chamo-me Mafi Piu, da Familia dos Pius.

- Oh sei bem quem é a tua mãe, a D. Berta Piu conhecida pelos seus belos desenhos.
- Sim, a mamã desenha muito bem.
- Olha sabes, Mafi, acho que estou a ter uma belíssima ideia. E que tal se eu, como forma de me redimir por este atropelamento te acompanhasse a tua casa e comprasse uns belos ovos decorados à tua mãe e os levasse para oferecer aos meus convidados? Seria também uma forma de os compensar pelo meu atraso, não achas?
- Hum, se o tu o dizes, piu, quem sou eu para discordar, piu? Mas achas que os teus convidados gostam de ovos de chocolate, piu piu? Vocês não são mais virados para a comida vegetariana, cenouras e coisas do género? – disse Mafi, a pintaínha amarelinha.
- Sim Mafi, eu Dentuças só como comida saudável, mas sabes quem me espera são convidados muito especiais. São humanos, seres pequeninos, sabes?
- Ahhhhhhhhhh, sim, a mamã já me falou desses seres pequeninos, as crianças, não é?
- Exacto, eles esperam por mim todos os anos na Páscoa e brincamos ao jogo do esconde. Eu escondo um presente e eles têm que o encontrar. E neste ano, esse presente serão os ovos da tua mamã D. Berta Piu!

- Piu! – disse entusiasmada com a ideia a Mafi.

E assim foram e a D. Berta lá deu dois cestinhos carregadinhos de ovos de chocolate com lindos desenhos ao Dentuças.
Timidamente, Mafi fez-lhe um pedido:
- Hã...Dentuças, deixas-me ir contigo? Eu podia levar um dos cestos... Por favor, piu-piu?

Dentuças lá acedeu ao pedido e não tardou muito para que todos os jardins de casas onde viviam crianças ficasse recheado dos ovinhos da D. Berta Piu.

Diz-se que nesse ano todos os seres pequeninos ficaram maravilhados com a surpresa que foram, um a um, descobrindo atrás de uma pedra, de um arbusto, por entre as flores...

Dentuças e Mafi assistiam felizes às descobertas dos seres pequeninos. E Mafi ficou muito espantada por alguns deles terem mais dentes do que o seu novo amigo Dentuças! Ainda que de um tamanho mais pequeno...
Essa seria uma nova pergunta que levaria até à mamã D. Berta, o porquê dos pintaínhos não terem aquelas coisas brancas na boca...ou melhor no bico? Mafi sentiu que todo um mundo ainda estava por descobrir, mas por agora, estava feliz com uma nova amizade que fizera nesse dia...

2 comentários:

Anónimo disse...

Boa Páscoa.
Carminho

Maria disse...

Delicioso... como um ovinho de chocolate!!

Um doce criado por ti my lucky star!!!

:-)