domingo, março 08, 2009

Festa em Miguel Bombarda

Às 16:30 lá chegamos. A(s) rua(s) estava plantada de pessoas em conversa. e cada vez mais pessoas cresciam em cada canto.




As galerias abriram as entranhas para quem quis ver as suas obras, e as lojas vestiram-se a rigor. Difícil era resistir a tanta arte.




O Porto devia ser sempre assim, vivo.




Eu... eu comprei "o galo". É Pop e é divertido.




2 comentários:

Maria disse...

Gosto muito desse galo!!! lol

Maria disse...

Gosto muito desse galo!!! lol